Relacionados

Newsletter




Evangelho de Terça-feira, 28 de Julho de 2020

S. Mateus 27,32-44

"32Quando iam a caminho, encontraram um homem de Cirene chamado Simão e obrigaram-no a levar a cruz de Jesus. 33Assim chegaram a um lugar chamado Gólgota que significa Caveira34Deram a Jesus vinho misturado com fel, para ele beber, mas ele, depois de provar, não o quis beber. 35Em seguida crucificaram-no. E tirando à sorte, dividiram entre si a roupa de Jesus. 36Depois sentaram-se e ficaram lá a guardá-lo. 37Por cima da cabeça de Jesus puseram um letreiro que dizia o motivo da sua condenação: Este é Jesus, o rei dos judeus. 38Juntamente com ele crucificaram também dois ladrões: um à sua direita e outro à sua esquerda. 39Os que passavam por ali insultavam-no e abanavam a cabeça, 40dizendo: «Olha o tal que ia deitar abaixo o templo e tornar a construí-lo em três dias! Salva-te agora a ti mesmo! Se és o Filho de Deus, desce da cruz!» 41Também os chefes dos sacerdotes, juntamente com os doutores da lei e os anciãos, troçavam assim de Jesus: 42«Salvou os outros e não se pode salvar a si mesmo! Se é o Rei de Israel, que desça agora da cruz para acreditarmos nele! 43Pôs a sua confiança em Deus e até disse: “Sou Filho de Deus.” Nesse caso, que venha Deus agora livrá-lo, se de facto lhe quer bem!» 44Até os ladrões que foram crucificados com ele o insultavam."