Relacionados

Newsletter




Evangelho de Sexta-feira, 3 de Dezembro de 2021

S. Mateus 22,1-14

"1Mais uma vez Jesus se serviu de parábolas para lhes dizer: 2«O reino dos céus é semelhante a um rei que preparou uma festa de casamento para o seu filho. 3Mandou os criados chamar as pessoas que tinha convidado para o casamento, mas esses convidados não quiseram ir. 4Então o rei enviou outros criados com esta recomendação: “Digam aos convidados: Olhem que o banquete já está pronto. Já mandei abater os bois e as reses gordas: está tudo preparado. Venham para a festa!” 5Mas eles continuaram a não fazer caso e foram-se embora, um para a sua fazenda, outro para o seu negócio, 6e os restantes agarraram os criados, bateram-lhes e mataram-nos. 7O rei ficou furioso. Mandou as suas tropas com ordem de matar aqueles assassinos e de lhes incendiar a cidade. 8Depois disso, o rei disse aos criados: “A festa do casamento está pronta, mas os convidados não eram dignos. 9Vão, portanto, pelas ruas e caminhos e convidem para o banquete todos os que encontrarem.” 10Eles saíram para as ruas e juntaram todos os que conseguiram encontrar, tanto bons como maus. A sala do banquete ficou cheia de gente. 11Ao entrar na sala para ver as pessoas que estavam à mesa, o rei viu um homem que não estava vestido com o traje habitual de casamento 12e perguntou: “Amigo, como é que entraste aqui sem a roupa própria de casamento?” O homem ficou calado. 13Então o rei disse aos criados: “Amarrem-no de pés e mãos e atirem-no lá para fora para a escuridão. Ali haverá choro e ranger de dentes.” 14De facto, os convidados são muitos, mas os escolhidos poucos.»"